Entre as profundezas e as águas rasas

Explorando os habitats úmidos do Cabo Cod


Plantas aquáticas, iluminadas pelo sol da tarde, crescem ao longo da borda rasa de
um lago de água doce em Cabo Cod.


As águas ricas em nutrientes do Atlântico correm através das veias da história da formação da América e ainda são uma pedra angular da cultura da Nova Inglaterra. No coração marinho da região encontra-se uma icônica península, Cabo Cod, descrito por Henry David Thoreau como "o braço nu e dobrado de Massachusetts," onde se encontra "... nada além desse oceano selvagem entre nós e a Europa."



Geologicamente bastante simples, o cabo é um braço longo e curvado de areia deixado por geleiras que recuaram no final do Pleistoceno (a Grande Idade do Gelo, que terminou cerca de 11.700 anos atrás). A península se projeta 65 milhas do continente no Atlântico Norte. Influenciado pelas águas férteis da Corrente do Labrador vinda do norte e das águas mais quentes da Corrente do Golfo vinda do sul, o cabo desempenha um papel vital nas rotas de migração de muitas aves, mamíferos marinhos, peixes e invertebrados marinhos. Distante duas horas de Boston, este braço esticado de solo arenoso abriga a essência da Nova Inglaterra, incorporando a imagem clássica de vastas extensões de praia e pântanos salobros, pescadores rudes e casas de veraneio. Ele também oferece uma série de notáveis oportunidades de mergulho.

As várias baías tranquilas da península - repletas de lagoas de água salgada, estreitos riachos, pântanos e enseadas - servem como viveiros e férteis áreas de alimentação para todos os tipos de fauna marinha. As águas sempre correntes nestes calmos habitats são raramente mais profundas do que 6 metros e são o lar de ricos ecossistemas. Marés que entram e saem desempenham um importante papel nas teias ecológicas das baías, onde coleções de flora e fauna florescem abaixo da linha de baixa-mar.
Criaturas
Ermitões tímidos e caranguejos decoradores bem camuflados mal podem ser distinguidos do fundo do mar circundante devido ao prolífico crescimento de esponjas e algas em seus membros articulados. Saltitando pelo fundo, levantando uma nuvem de areia em seu rastro, um grande caranguejo azul macho desaparece em uma floresta de algas. Rochas glaciais submersas são recobertas por cracas filtradoras e coloridas esponjas laranjas e amarelas. Brotando da areia próxima, os braços delicados e ramificados de um pepino do mar pacientemente coletam o zooplâncton que passa, continuamente enchendo com as criaturas o esófago estacionário do animal. Um par de caranguejos-ferradura avermelhado finaliza a cena, o macho menor segurando a enorme fêmea por trás. Esses parentes distantes dos escorpiões evoluíram há 450 milhões de anos; eles são habitantes típicos de Cabo Cod e uma das espécies mais importantes da península.


Os recifes de Cape Cod são o lar de uma miríade de peixes pequenos como este sea robin.



Acima do caleidoscópio de criaturas que habitam o fundo vivem dezenas de espécies de vertebrados. Um gigante northern pipefish, um parente delgado do cavalo marinho, parece saído da miscelânea de algas, misturando-se ao habitat com padrões de cores sutis. O perfil estranho e achatado de uma jovem solha de verão desliza por toda a areia à procura de pequenos peixes ou crustáceos dos quais se alimentam. Cardumes de pequenos mummichog e translúcidos silversides nadam rapidamente através de uma selva de folhas de angiospermas marinhas, evitando águas mais profundas, onde anchovas e striped bass predadores patrulham.


Uma estrela do mar descansa em um prado de angiospermas marinhas.
Não muito longe das baías protegidas, o mar aberto está vivo e em movimento. Ele aumenta e diminui, infinitamente rolando e balançando de acordo com os ritmos terrestres, solares e lunares. Diatomáceas unicelulares microscópicas e outros fitoplânctons invisíveis a olho nu tornam essas águas pelágicas tão férteis. A zona fótica superficial do Atlântico Norte é como uma fazenda colossal, produzindo quantidades imensuráveis de fitoplâncton. Stellwagen Bank e Georges Bank, onde as águas ricas em nutrientes misturam-se com a luz solar, são especialmente ricos devido à ressurgência de águas profundas. O plâncton abundante alimenta as larvas de crustáceos, moluscos e peixes, como sand lances, que por sua vez atraem predadores maiores.
Mamíferos
Alguns dos mamíferos mais extraordinários e raros da Terra se alimentam e criam seus filhotes aqui. Baleias jubarte, fin, minke e baleias franca do atlântico norte podem viajar milhares de milhas para estar próximo ao Cabo durante a primavera e o verão. Uma vez lá, elas capturam enormes quantidades de plâncton através de sua barbatana, engordando-se para suas longas migrações para áreas de reprodução distantes onde passam o inverno. Em águas perto da costa, milhares de focas comuns e cinzentas prosperam. Suas colônias de reprodução têm crescido rapidamente nos últimos 43 anos por causa da Lei de Proteção dos Mamíferos Marinhos de 1972, que tornou ilegal caçar, matar, capturar ou assediar qualquer mamífero marinho em águas norte-americanas (com raras exceções).
Tubarões
O retorno das populações de focas marcou outro agitado retorno: o do grande tubarão branco, um dos maiores carnívoros da teia alimentar. Personagem de lendas e pesadelos, os tubarões brancos aparecem durante os meses de verão para se alimentarem da carne rica em gordura dos pinípedes abundantes. Os pesquisadores marcaram com dispositivos que transmitem informação via satélite mais de 50 tubarões brancos ao largo do Cabo nos últimos anos, para saber de onde eles estavam vindo e para onde eles vão no outono. Parece que a maioria destes tubarões migra ao longo da costa leste, seguindo a plataforma continental a partir do Cabo Cod no verão e outono para uma área entre a Carolina do Sul e a Flórida para passar o inverno e a primavera. Acredita-se que tubarões brancos maiores, mais maduros, provavelmente apresentam comportamentos migratórios diferentes e dirigem-se para locais de reprodução mais distantes.


Um gracioso tubarão azul, um dos tubarões mais rápidos do mar



Uma variedade de outros elasmobrânquios — incluindo rajidaes, raias torpedo, squalidaes, tubarões-elefante gigantes, rápidos tubarões makos, dentuços tubarões-mangona e outros - habitam as águas frias do Cabo Cod. Mas sem dúvida a espécie mais bonita encontrada em mar aberto é o tubarão azul. Estes elegantes e carismáticos caçadores oceânicos preferem a borda da Corrente do Golfo, onde a água é significativamente mais quente e mais clara do que onde os tubarões brancos caçam. A maioria dos tubarões oceânicos são curiosos e estão continuamente à procura de alimento, de modo que ficar perto deles pela primeira vez pode ser amedrontador. Felizmente, os azuis são tão benignos quanto um predador oceânico pode ser, e em poucos minutos suas cores iridescentes e movimentos ágeis tornam-se cativantes.
Aço
Apesar desta diversidade de fauna marinha, o objetivo da maioria dos mergulhadores em Cabo Cod é explorar alguns dos mais de 3.000 naufrágios que se encontram espalhados ao redor da península. Muitos deles estão a menos de 30 metros de profundidade e são bastante acessíveis por barco. Os destroços são oásis em um deserto de areia submerso, as suas duradouras estruturas incrustadas com organismos multicoloridos. Eles oferecem nichos para uma variedade de peixes, esponjas, cnidários, moluscos, vermes, caranguejos, lagostas e equinodermos. Semelhantes a flores desabrochando, anêmonas sensacionais iluminam o cenário escuro quando observadas com o auxílio de luz artificial. Sea ravens que vivem no fundo misturam-se aos ossos dos destroços, enquanto os cardumes de tautogs malhados e bacalhau do Atlântico nadam por cima. Grandes solhas de verão se movimentam em todo o fundo do mar. Parte do mistério dos abundantes naufrágios do Cabo é que nunca se sabe exatamente o que será encontrado neles.


Mais de 3.000 naufrágios são encontrados no Cabo.


Água doce
Mergulhar nas águas esverdeadas do Atlântico de Cabo Cod pode ser um desafio, mas lagoas de água doce e lagos abundantes pontilham a paisagem da península apenas alguns quilômetros para o interior. Estes encantadores habitats aquáticos são muitas vezes considerados apenas como uma pausa dos mergulhos em água salgada ou de dias úmidos de verão, mas submergir sob a superfície plácida de lagoas revela um delicado esplendor aquático. Cada lagoa é uma joia de história natural repleta de notável vida selvagem aquática e anfíbia. Embora não seja tão majestoso ou dramático quanto o mar próximo, a suave luz do Cabo batendo em uma lagoa espelhada cedo ou no final do dia pode ser extremamente harmonioso.


Uma tartaruga-víbora, um predador de topo em lagoas e lagos



Thoreau viu lagos e lagoas como "olho [s] da Terra; olhando para o qual o espectador mede a profundidade de sua própria natureza. As árvores fluviais próximas da costa são os cílios finos que os bordeiam, e as colinas arborizadas ... são suas sobrancelhas salientes". Praticar mergulho autônomo ou livre em um lago de Cabo Cod é entrar em outro tempo, outro espaço, onde uma grande discórdia de cor é evidente. Verdes vibrantes colidem com lírios vermelhos sensuais em composições desordenadas. A luz solar passa através de um dossel de plantas aquáticas e lança feixes amarelos através de uma selva subaquática miniatura e ilumina peixes prateados abaixo.


Cabo Cod é extremamente popular entre os velejadores, mas um número menor de pessoas explora suas maravilhas subaquáticas.
Depois das plantas aquáticas cresce uma floresta impenetrável de palhetas multicoloridas, onde cardumes agitados de peixinhos brilhantes pulsam torcendo as hastes das plantas. Movimentos obscuros na penumbra fora dos juncos sinalizam a passagem de um peixe de tamanho considerável, fazendo com que os pequenos desapareçam. Um largemouth bass, rei de seu domínio aquático, olha fixamente para a escuridão turva dos juncos, desejando que os pequenos peixes reapareçam. Juntamente com cágados de aparência primitiva, que podem ser enormes e são frequentemente encontrados nas profundezas sombrias, os bass são os principais predadores da teia alimentar da água doce. Alguns perch aparecem, e bluegills e sunfish passam nadando, enquanto pickerel juvenis espreitam com cautela a partir das profundezas.

É preciso uma alma saudável para experimentar em primeira mão as maravilhas da paisagem marinha temperada. A beleza sutil é a essência dos habitats subaquáticos de Cabo Cod, e como os mergulhadores locais sabem, é preciso tempo e sensibilidade para apreciar esses ambientes sedutores. Mas, no final, as praias, baías e os tesouros do oceano convidam os visitantes a voltarem de novo e de novo.
Como mergulhar lá
Como chegar
Saídas de mergulho regulares não são frequentemente anunciadas, por isso é melhor entrar em contato com uma das lojas de mergulho do Cabo com antecedência. As saídas normalmente ocorrem durante os finais de semana e saem de vários portos, dependendo das condições climáticas e do naufrágio que o capitão tem em mente.

Condições
As temperaturas da água no mar de Vineyard, ao sul do cabo, podem ser quentes durante os meses de verão, atingindo os 20 °C ou até 22 °C. As temperaturas do oceano mais para fora são muito mais frias em média, atingindo apenas os 13 °C durante os meses de verão. A maioria dos mergulhadores locais usam roupas secas, apesar de uma roupa úmida de 7 milímetros completa com um capuz e luvas ser suficiente se você estiver fazendo apenas um mergulho em um dia ou dois. A região não é conhecida por águas claras, e a visibilidade varia de cerca de 2 metros a 15 metros. Fortes correntes são encontradas praticamente em todos os lugares ao redor do cabo, e os mergulhos são normalmente programados para os estofos da maré. A maioria dos naufrágios mais distantes da costa são considerados mergulhos intermediários ou avançados, devido às potenciais correntezas e às repentinas mudanças de condições.

Aventura na superfície
Quando não estiver debaixo d'água, caminhe pelas maravilhosas trilhas ao redor do Cape Cod National Seashore, onde, como Thoreau disse, "um homem pode estar lá e colocar toda a América atrás dele." Durante os meses de Verão assista a um jogo da Liga de Beisebol de Cabo Cod; a liga tem alguns dos melhores jogadores de beisebol colegial do país. Alugue um caiaque e explore as muitas baías e enseadas que compõem o litoral da península.
Explore Mais
Veja mais do que o mergulho em Cabo Cod tem para oferecer na galeria de fotos bônus de Ethan Daniels.

© Alert Diver — 4º Trimestre 2015

Language: EnglishSpanish